By Raquel Almeida

Jornalista, curiosa, mãe de três. Deixou o Rio de Janeiro, foi morar em Campinas e está vivendo essa nova transformação em sua vida.

Destacado

Eu fiz o caminho de volta. Me julguem

Fazer o caminho de volta não é simples. Em especial quando o destino é um estado falido, com ex-governantes presos por corrupção, com a principal universidade pública quase fechando, com uma guerra de facções do tráfico acontecendo nas esquinas da elite privilegiada, bem ali, do lado da sua casa. Ainda assim, não foi difícil decidir…

Destacado

Vamos falar sobre comprometimento?

Lucas está com 14 anos, quase quinze, e termina o ensino fundamental no fim do ano. Sempre foi um ótimo aluno, daqueles com boletim só no azul, notas acima de 8,0 nos piores resultados. Nunca ficou em recuperação. Mas este ano surgiram os 7,0. E notificações da escola sobre deveres incompletos. Uma, duas, três vezes,…

Destacado

A maternidade, o luto, o seguir

Vamos chamá-la de Maria, para preservar sua identidade, que, no fundo, não importa qual seja, porque não diminui sua dor, nem muda sua história. Ela tem 30 anos e um filho de 10. Trabalha como diarista, tem um pequeno salão de beleza em casa, parou a faculdade porque não tinha mais como pagar, mas sonha…

Menina e o que vem pela frente - Foto de Raquel Almeida CC
Destacado

No dia das meninas, um mundo para todas elas. Nada menos

Sou mãe de dois meninos e de uma menina. Acredito num mundo bacana para todos eles e acordo e durmo trabalhando para isso. Por um mundo que respeite suas diferenças e diversidades, opiniões e escolhas. Mas esse mundo, especialmente o que se assoma nos últimos tempos, é de cara mais difícil para a minha filha.…

Sol se pondo na estrada - Raquel Almeida
Destacado

Sobre equinócios e recomeços sem fim

“Todo mundo tem um sonho para realizaaaar…” Oi, filha Você está aí cantarolando no chuveiro, seu momento particular de felicidade. E hoje é dia de equinócio, de primavera por aqui e de outono em outros cantos do mundo. É a data única em que dia e noite ficam do mesmo tamanho, exatas doze horas. Duas metades.…

Destacado

A maternidade, o melhor, o pior

Em mais um Dia das Mães juntas em rede perguntamos às nossas mães quais são as três melhores e três piores coisas da maternidade. Veja o que elas responderam: Beatriz Golzi, mãe de Bento e Vicente O melhor: 1 – Virar criança de novo. Entrar na loja de brinquedos e perder horas escolhendo coisas para…

Destacado

Fora d’água

Fui buscar Helena na escola e no caminho a pé pra casa ela me conta, tentando emprestar alguma normalidade à sua fala, claramente, escondendo um incômodo: “Sabia que hoje é a festinha da fulana? Todas as meninas foram. Veio uma van para levar todo mundo.” “É? E você não foi convidada?”, respondo, trazendo clareza para…

Destacado

Pelo direito de ser. Mãe ou não.

Sou mãe há 18 anos. E fui mãe três vezes em fases completamente diferentes da minha vida. Em dois casamentos diferentes, em distintas situações na carreira, em níveis de maturidade e inteligência emocional diversos. Tenho três filhos e um enteado completamente únicos, diferentes no físico, nos gostos, nas escolhas. Ser mãe nunca fez parte do meu planejamento de vida. Quando eu era criança, nunca pensava: “vou ter três filhos”. Pensava só que eu queria estudar, trabalhar e viajar pelo mundo. Nessa longa e tortuosa estrada como mãe aprendi, com muito sofrimento e alegria, a ser tolerante. A maternidade dá para qualquer pessoa…

Destacado

Que venha 2016!

Anos melhores, anos piores, sempre temos desejos de renovação nesses momentos de virada de página do calendário. Aqui, um pouco do que esperam nossas mães em rede. Rosane Marinho, Espanha Em 2015, completei 10 anos vivendo na Espanha. Datas redondas sempre mexem com a gente, pensamos no que poderíamos ter feito melhor, no que não…

A imponderável nova rotina

Quando a gente muda de vida e liga o botão recomeçar, costuma fazer um monte de planos para a rotina desse novo momento. Sim, porque você precisa estabelecer essas perspectivas para acreditar que é possível e que vai ser bom. “Vou fazer exercícios. Na mesa, agora, só comida orgânica. Vou ler mais. Tocar piano. Fazer minhas tapeçarias. Escrever no blog.” E quem escuta, acredita que essa será a sua vida. Até você acredita. Mas a realidade sempre se mostra muito diferente. Passada a fase longa da abertura de caixas e reconhecimento local da melhor padaria, supermercado e feira livre, você…