By biagolzi

Destacado

O nosso quintal

“Acho que o quintal onde a gente brincou é maior do que a cidade. A gente só descobre isso depois de grande. A gente descobre que o tamanho das coisas há que ser medido pela intimidade que temos com as coisas. Há de ser como acontece com o amor. Assim, as pedrinhas do nosso quintal…

Destacado

Pequena grande existência

Muito antes do tilintar dos bisturis, ele se informa sobre a cirurgia que será realizada, prepara os instrumentos, organiza a mesa do procedimento, os remédios indispensáveis e também os que poderão ser importantes, caso a operação não ocorra 100% como o previsto. Também é responsável por manter a sala limpa, os equipamentos em bom funcionamento…

Destacado

Invisível

Para nós, que somos estrangeiros, o evento acontece quase que sorrateiramente e teríamos que contar com a tal da sorte para conseguirmos, um dia, testemunhar a festa. Encenada por trupes nômades, em um dialeto ancestral, a tradicional Opera Chinesa vem perdendo público*, mas nós não queríamos perder o espetáculo. Foram nossos bons amigos, que conhecem…

Destacado

Made in Brasil

Diz o poeta que o nosso povo “toma pileques de ilusão com o futebol e o carnaval”. Pois depois de tanto tempo fora da nossa terra, precisávamos nos embriagar de alguma folia. Combinamos com os amigos e saímos a caráter, mas logo nos demos conta que não seriam muitos os foliões em Bangkok. Tentamos a…

Destacado

O drible

Ele chegou da escola pensativo, lavou as mãos, foi à cozinha para tomar seu iogurte, mas antes de sentar voltou para a sala. “Mamãe, posso falar uma coisa importante com você? Será que a gente pode decidir mudar de nome?”. Minha memória chegou rapidamente nas 450 vezes em que nenhum nativo da língua inglesa, indonésia…

Destacado

Depois da chuva

“A cidade dos anjos, a grande cidade, a residência do Buda Esmeralda, a cidade inexpugnável (de Ayutthaya) de Deus Indra, a grande capital do mundo dotada de nove jóias preciosas, a cidade feliz, abundante em um enorme Palácio Real que assemelha-se à morada celestial, onde reina o deus reencarnado, uma cidade dada por Indra e…

Destacado

Em 2560.

Moramos no final de uma rua sem saída, cercados de muito verde na janela mais alta em que já vivemos (7o andar pode ser altíssimo para quem nunca morou em prédio com elevador) e segundo as crianças, estamos perto do céu. E às vezes até acho que estamos, mas vivemos mesmo a cinco minutos de uma…

Destacado

Eu vim de lá.

“Não é pouco saber dormir; para isso é preciso aprontar-se durante o dia. Dez vezes ao dia deve saber vencer-te a ti mesmo; isto cria uma fadiga considerável, e esta é a dormideira da alma. Dez vezes deve reconciliar-te contigo mesmo, porque é amargo, vencermo-nos, e o que não está reconciliado dorme mal. Dez verdades…

Destacado

Aprendiz

Já faz quase nove meses que assumimos a educação dos nossos filhos em casa. Há quase um ano, era o tema que temperava os preparativos para mais um Natal balinês. Neste que se aproxima, já em Singapura, é alimento concreto, escolha inusitada, para alguns tresloucada, mas aquela que hoje faz mais sentido para o nosso…

Destacado

O que vem, o que sai e o que fica.

Era o fim do dia e as crianças, felizes, brincavam com as vizinhas do prédio. Com eles tranquilos saí para me restaurar. Andava mesmo precisando mexer em qualquer coisa. Refletia sobre raízes, sobre o quanto gosto de sentir os pés firmes tocando o solo, esticar o tronco, me deixar crescer de um jeito em que…